quinta-feira, 31 de maio de 2018

Jovens debatem demandas maranhenses durante o “Diálogos com a Juventude”

Jovens de vários partidos estiveram reunidos ontem (30), no Grand São Luís Hotel, durante mais uma etapa do "Diálogos pelo Maranhão", movimento que visa montar de forma coletiva as linhas gerais do novo programa de governo de Flávio Dino (PCdoB), pré-candidato à reeleição. 
 
Intitulada "Diálogos com a Juventude", esta edição reuniu a juventude ligada aos 14 partidos que deverão compor a coligação de Flávio Dino nas eleições deste ano, além de representantes vários movimentos sociais e da juventude. Na ocasião, os participantes puderam apresentar propostas para os próximos quatro anos, além de avaliar as ações executadas pelo governador em seu primeiro mandato. 
 
Para o presidente do PCdoB no Maranhão, Márcio Jerry, o “Diálogos” é uma "forma de fazer política com muita qualidade, ouvindo a população e construindo propostas a partir das demandas reais do nosso estado". 
Encontro das juventudes
 
O deputado federal Weverton Rocha (PDT), que também prestigiou o evento, acredita que a Juventude está representada com prioridade de governo, e que a reunião foi um “encontro das juventudes”.    
 
“Vale a pena a juventude vir construir uma proposta plural. No governo Flávio Dino temos uma cadeira no primeiro escalão para as juventudes. Hoje o governo não só tem uma Secretaria de Juventude como também mantém diálogo com todos os setores”, destacou. 
 
A estudante universitária Josy Gomes aproveitou a oportunidade para apresentar proposta com foco na melhoria da educação superior. "Escutar a Juventude é muito importante! A Juventude tem muito a dizer sobre um Maranhão cada vez melhor. E a nossa principal proposta é garantir que nossos jovens tenham condições de estudar. Para isso, precisamos de um Plano de Educação que garanta que os jovens permaneçam na universidade e concluam o Ensino Superior", frisou Josy Gomes.   
 
A secretária de Estado da Juventude, Tatiana Pereira, avalia que esta edição do “Diálogos” foi essencial por dar voz aos jovens “na construção de um plano de governo que faça o Maranhão continuar no caminho da transformação”, concluiu.

Com Mais Produção, agricultores dobram resultados e elogiam apoio do Governo do Estado

 
Mais de 100% de aumento na produtividade de hortifrúti. Esse foi apenas um dos resultados apresentados pelos representantes da Federação de Agricultura e Pecuária do Maranhão/Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Faema/Senar) durante reunião com o governador Flávio Dino, nesta quarta-feira (30), no Palácio dos Leões. Além deles, também participaram da audiência representantes da Associação Produtores de Soja (Aprosoja) da região do Alto Parnaíba, que buscaram soluções para minimizar efeitos da crise federal de combustíveis.
Idealizado para alavancar a produção agrícola no estado, nos últimos três anos, o Mais Produção chegou a mais de 170 cidades maranhenses, levando ações para estimular 11 cadeias produtivas prioritárias como a avicultura e hortifrúti.
“Das cadeias que o Governo priorizou, estamos fazendo esse trabalho com cinco delas, com 1.550 proprietários”, informou o presidente da Faema/Senar, Raimundo Coelho.
“Na cadeia de hortifrúti, tivemos aumento de 109% da produtividade. Produtores que antes tinham prejuízo hoje têm lucros graças à transferência de tecnologia que o Governo está levando”, completou o presidente.
O Mais Produção é um dos programas de incentivo à agricultura realizado por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima).
Ações anticrise
O presidente também elogiou a postura do Governo do Estado ao lidar com a crise federal de combustíveis: “Essa postura foi muito importante, foram medidas de quem está preocupado com o estado”.
O secretário executivo da Aprosoja, Sérgio Delmiro, também elogiou a postura e aproveitou a ocasião para buscar soluções para os efeitos das paralisações nacionais, que têm gerado acúmulo da produção de soja e dificuldade de escoamento.
“Buscamos principalmente formas de resolver o problema logístico que foi criado e também tratamos de outros temas, e o governador foi muito atencioso, nos trouxe soluções e acredito que todos os encaminhamentos foram dados”, disse.
Para ele, o apoio à agricultura dado pelo Governo é o atual diferencial do Maranhão: “Hoje nós temos um apoio bem grande do Estado, que tem procurado encarar o agronegócio como parte do Maranhão, tendo um olhar diferenciado. E temos gostado bastante de como as coisas tem acontecido aqui”.

atrações no Arraial “Pertinho de Você’’ nesta sexta-feira (1)

Arraial-Priscila Petrus
O arraial “Pertinho de Você’’ promete esquentar ainda mais o seu final de semana nesta sexta-feira (1), a programação é puro romantismo com a banda Limão com Mel e participação de César Martins.

Muito prestigiado pelo público, o “Arraial Pertinho de Você”, localizado na Cohama, ao lado da nova Batuque Brasil, oferece um ambiente com bom gosto e bem decorado com bandeirinhas, além de segurança onde é oferecido o melhor da rica arte culinária maranhense. A festança começa a partir das 21h.
Coordenação do evento sob a organização do vice-presidente da Câmara de São Luís e vereador Astro de Ogum, apoio cultural do Governo do Estado do Maranhão e Prefeitura municipal de São Luís.
Serviço:
O que: Arraial Pertinho de Você
Quando: de 01/06 a 01/07/2018
Horário: 21h
Entrada: gratuita
Localização: Cohama, ao lado da Batuque Brasil.

Câmara Municipal de São Luís nas ondas do rádio

TEM NOVIDADE NO AR
A partir desta sexta-feira, dia 1º de junho, as rádios Mirante FM 96.1, 92.3 FM, Jovem Pan FM São Luís 102.5 e Mais FM 99.9, passam a veicular nos intervalos comerciais da programação, o “Boletim Câmara News” – programete com inserções de 60 segundos que, de forma didática e resumida apresentará aos ouvintes a atuação dos 31 vereadores que formam a Câmara de São Luís. As quatro emissoras atingem, no Maranhão, mais de 6 milhões de ouvintes em mais de 41 municípios, proporcionando uma abrangente comunicação com um público altamente qualificado. Fique ligado, pois com o “Câmara News”, o ouvinte estará sempre em primeiro lugar!_

quarta-feira, 30 de maio de 2018

Dia Mundial sem Tabaco: Governo atende população em ações de combate ao tabagismo

 
Em comemoração ao Dia Mundial sem Tabaco, instituído pela Organização Mundial da Saúde (OMS) no dia 31 de maio, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) promoveu uma ação educativa nesta quarta-feira (30), na Feira do Mangueirão, no bairro Divinéia, em São Luís.
Técnicos e agentes de saúde percorreram a feira orientando a população sobre prevenção ao tabagismo, uma doença considerada pela OMS como a principal causa de morte evitável em todo o mundo. Uma tenda de atendimentos foi montada na entrada de feira com serviços básicos de saúde nas áreas de tabagismo, hanseníase e hipertensão, além de teste rápido de glicemia, aferição de pressão e rodas de conversa.
A chefe do Departamento de Atenção à Saúde do Adulto e Idoso da SES, Maria Teresa Pereira de Carvalho, destacou a importância do diálogo e da implantação de políticas públicas para o combate ao tabagismo.
“A intenção de promover ações como esta para levar informação para a população e para a imprensa, que é multiplicadora de conteúdo, visa uma melhor qualidade de vida e ambientes livres do cigarro. Aproveitamos datas pontuais como esta para informar os centros de referência de tratamento no estado, onde a população deve buscar ajuda profissional”, esclareceu Teresa Carvalho.
A empresária Laila Cabral considera a ação importante também para os não fumantes, pois a informação sobre os perigos que o uso contínuo do tabaco causa no organismo também deve ser divulgado. “Aqui na feira é um local de ampla circulação de pessoas, o que acaba sendo ótimo para a divulgação de conhecimentos acerca do consumo de cigarro. Ninguém da minha família fuma, mas tenho amigos que fumam e me preocupo com a saúde deles”.
A feirante Antônia de Sousa, de 45 anos, é fumante desde os 19 anos, e está em tratamento para parar de fumar. “Estou ciente dos riscos que corro ao consumir cigarro, é uma droga para os órgãos. Ano passado eu fumava 20 cigarros por dia e agora, desde a semana passada, parei”, disse.
Durante a ação, Wagner Serra aproveitou para aferir a pressão. Ele consume diariamente 15 cigarros. “A correria do dia a dia não permite o cuidado com a saúde. Para aliviar o estresse recorri ao cigarro, estou nessa vida de fumante há cinco anos. Já tentei parar várias vezes porque a respiração está falhando”. Além de aferir a pressão, Wagner recebeu orientações onde buscar ajuda na rede de atendimento estadual.
Combate ao tabagismo
 
A data de combate ao tabagismo, instituída pela Lei nº 7488/1986, foi criada com o objetivo de conscientizar e mobilizar a população sobre os riscos decorrentes do uso do cigarro.
Com relação às doenças causadas pelo uso de tabaco, o Ministério da Saúde (MS) revela que 25% das mortes por angina e infarto do miocárdio, 90% dos casos de câncer no pulmão e 25% das doenças vasculares – entre elas, o Acidente Vascular Cerebral – são decorrentes do tabagismo.
Onde buscar tratamento
Em São Luís, o tratamento para fumantes está disponível no CAPS AD Monte Castelo, no Centro de Saúde AMAR, no Centro de Saúde Salomão Fiquene, no Centro de Saúde Clodomir Pinheiro Costa e no Centro de Saúde São Raimundo.
Medidas de combate no Brasil
O Brasil vem adotando importantes medidas para controle e diminuição do uso do tabaco. Em 2005, aderiu à Convenção-Quadro do Controle de Tabaco (CQCT), que é um tratado internacional de saúde pública para elaborar e atualizar as políticas de controle e proteger as políticas nacionais contra os interesses da indústria da substância.
Em dezembro de 2011, a presidente Dilma Rousseff sancionou uma nova Lei do Fumo. A proibição de fumar em lugares fechados, que tinha como objetivo inicial proteger as pessoas da exposição ao fumo passivo acabou estimulando os fumantes a reduzirem ou pararem de fumar. Além disso, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou a retirada de cigarros com sabor do mercado e restringiu o uso de aditivos que dão aroma.

DIA MUNDIAL SEM TABACO: OMS alerta para o risco de doenças cardiovasculares que podem matar fumantes – ativos e passivos

Todo ano, a Organização Mundial da Saúde reserva data de 31 de maio para promover uma campanha internacional: é o Dia Mundial sem Tabaco, que, em 2018, traz como tema central “Tabaco e Doença Cardíaca”. É comum as pessoas associarem o uso do cigarro somente a doenças que afetam os pulmões, por isso, médicos do mundo todo se juntam em mais um movimento de combate aos males provocados pelo tabaco.
 
A cardiologista Aléssia Palhano, do Hapvida Saúde, destaca que, entre as doenças mais comuns causados pelo uso do cigarro, estão o infarto, a angina e os a Acidentes Vasculares Cerebrais, que, combinados, são as principais causas de mortes no mundo. “Essas doenças cardíacas e os AVC’s são causados, sobretudo, por um bloqueio que impede o sangue de seguir para o coração ou para o cérebro”, explica a médica.
 
Dessa forma, um fumante tem as chances de desenvolver doenças cardiovasculares mais acentuadas porque o tabagismo forma placas de gordura nos vasos sanguíneos, o que aumenta a pressão arterial e a frequência cardíaca. “Sem contar que a inalação de monóxido de carbono reduz a quantidade de oxigênio transportado pelo sangue para os nossos órgãos”, lembra Aléssia Palhano.
 
Fumantes passivos
 
Os impactos do uso tabaco incidem, também, sobre a população de fumantes passivos. “Todas as pessoas que convivem com fumantes ativos e acabam inalando a fumaça tóxica produzida pela queima do tabaco.”, alerta a especialista.
 
Dados da OMS demonstram que o tabaco mata mais de sete milhões de pessoas a cada ano, das quais cerca de 900 mil não eram fumantes, mas adquiriram problemas de saúde por inalar o fumo passivamente.
 
Dependência
 
Além de impactar diretamente sobre a saúde pulmonar e cardiovascular, o tabagismo causa dependência física, psicológica e comportamental, assim como torna dependente um usuário de outras drogas, como as ilícitas cocaína e crack. “Não faz diferença como esse tabaco é consumido – cigarros, charutos, cachimbos e narguilés, ele faz mal à saúde”, revela a médica.
 
A clínica geral, também do Hapvida, Martha Guimarães, conclui que o fumante, geralmente, tem características comuns, como o sedentarismo e ansiedade, que são fatores de isco para vários problemas de saúde, incluindo as neoplasias malignas, ou seja, tipos de câncer.Sempre procuro alertar aos meus pacientes sobre a importância de abandonar esse mau hábito que, além do câncer, também pode causar doenças cardiovasculares severas, levando à morte. O processo educativo e de orientação deve ser iniciado ainda na fase escolar, para que as crianças e os adolescentes de hoje não se tornem dependentes no futuro”, orienta Martha Guimarães.

Carlos Brissac lança pré-candidatura à presidência da OAB/MA

 
O evento acontece no auditório do Executive Lake Center, servindo como um momento de conversa sobre os principais desafios da advocacia maranhense
 
Nesta quarta-feira (30), o advogado Carlos Brissac reunirá colegas da área e outros convidados durante o lançamento oficial de sua pré-candidatura à presidência da Seccional Maranhão da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/MA), para o triênio 2019/2021. As eleições na entidade estão previstas para a segunda quinzena do mês de novembro de 2018.
O evento terá início às 19h, no auditório do Executive Lake Center, oportunidade em que Brissac terá um momento de conversa com os advogados locais abordando os principais desafios da categoria atualmente e as perspectivas para os profissionais da advocacia e para a Ordem no Maranhão.
Advogado formado pela UFMA, Carlos Brissac Neto é mestrando em Direito com especialização em Ciências Jurídico-Políticas na Universidade Portucalense do Porto (Portugal), é especialista em Compliance e Lei Anticorrupção pela Legal, Ethics and Compliance. Na Comissão de Jovens Advogados da OAB/MA, exerceu cargos de secretário, vice-presidente e presidente, como também foi Procurador Jurídico da OAB/MA, além de ter representado a Ordem no Conselho Estadual de Proteção ao Consumidor.
Vale frisar que o processo eleitoral da OAB deste ano vai determinar os novos conselheiros federais e seccionais ─ e seus respectivos suplentes ─, a Diretoria do Conselho Seccional maranhense, diretores e suplentes da Caixa de Assistência dos Advogados do Maranhão (Caama), e as diretorias de subseções.
 
SERVIÇO
O quê: Lançamento de pré-candidatura de Carlos Brissac à presidência da OAB/MA
Onde: (Auditório do Executive Lake Center) Rua das Andirobas, 040 - Jardim Renascenca
Quando: Quarta-feira, 30 de maio, às 19h

Câmara de São Luís decreta ponto facultativo na sexta-feira


O presidente da Câmara Municipal, vereador Astro de Ogum (PR), decretou ponto facultativo para esta sexta-feira, (01). A decisão do dirigente do Legislativo aconteceu em decorrência de acompanhar os órgãos das administrações públicas, como o Governo do Estado e Prefeitura de São Luís, que resolveram adotar essa medida.
Como nesta quinta-feira, (31), já está inserido no calendário de atividades dos servidores das repartições públicas, e o consequente esvaziamento das mesmas no dia subsequente, foi necessário tomar essa providência, até como uma forma de evitar desperdício aos órgãos das administrações, e também evitar que o funcionalismo venha ter um gasto praticamente desnecessário, já que uma maioria acaba fazendo um feriado prolongado.
“Como forma de dá nossa contribuição de manter o controle de gastos da máquina pública, e também acompanhando decisões dos governos estadual e municipal, também decidimos decretar o ponto facultativo nesta sexta-feira, pois entendemos ser uma ação coerente diante da situação que estamos atravessando” afirmou Astro de Ogum.

CCJ da Câmara é favorável a projeto
que institui IPTU Verde em São Luís  
Proprietários de imóveis residenciais e não residenciais no município de São Luís, que adotem medidas estimulando a proteção, preservação e recuperação do meio ambiente, poderão ser beneficiados com a redução do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU).  A ideia, do vereador Pedro Lucas Fernandes (PTB), faz parte do Projeto de Lei nº 102/2016, dirigido ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT).     

O “IPTU Verde”, assim denominado em alusão à causa ambiental explicitada no projeto, tem como objetivo fomentar ações em defesa do meio ambiente diante da contrapartida do Poder Público em reduzir o valor do imposto pago pelos proprietários de imóveis. 

O PL tramita na Câmara Municipal de São Luís (CMSL) desde julho de 2016. No entanto, essa semana a matéria recebeu parecer favorável da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa. Com o resultado, a proposta termina sua passagem pelas comissões da Câmara e segue para análise em plenário Simão Estácio da Silveira, para votação dos vereadores.      

O autor da lei explica que a proposta é uma provocação à sociedade para ter práticas sustentáveis. O líder do PTB na Câmara afirmou ainda que, se o cidadão, os empresários e as construtoras investirem na parte ecológica da cidade, o valor do IPTU será reduzido, seguindo as regras estabelecidas no projeto.


“Esse projeto faz uma provocação à sociedade para ter práticas sustentáveis. É um incentivo para o cidadão ludovicense poder investir na parte ecológica da cidade. Não só o cidadão, como também os empresários e as construtoras para que possam ter a garantia de uma cidade mais verde”, declarou Pedro Lucas.   

O projeto tem 13 artigos e explicita como deve ser feita a concessão do benefício, em observância com as regras estabelecidas na área ambiental, urbanística, tributaria e demais dispositivos. Entre outras coisas, o documento diz, em seu artigo 2º, que a certificação do “IPTU Verde” será obtida pelo empreendimento que adotar ações e práticas de sustentabilidade previstas em ato do Poder Executivo Municipal.
Já o artigo 3º diz que a obtenção da certificação do “IPTU Verde” não exime do cumprimento integral da legislação ambiental, urbanística, edilícia, tributária e demais normais legais aplicáveis. De acordo com o parágrafo 1º deste artigo, as edificações existentes que não foram objeto de licenciamento poderão participar do programa, desde que obtenham a sua regularização junto aos órgãos licenciadores municipais. 
O objetivo, para Pedro Lucas, está dividido em dois. Primeiro, proporcionar uma quantia menor para o morador da capital maranhense no carnê do IPTU. O segundo é promover uma cidade mais limpa, já que, ao incentivar uma consciência ecológica que promove descontos, a cidade ganha ao ser mais sustentável, e a sociedade paga uma conta mais barata.      

DUAS COMISSÕES FAVORÁVEIS     


A CCJ é a segunda comissão da Câmara a analisar a proposta de sustentabilidade que pode render descontos no IPTU da capital. Ela passou primeiro pela Comissão de Orçamento, Finanças, Planejamento e Patrimônio Municipal, onde o parecer do vereador Gutemberg Araújo (PRTB), favorável à iniciativa que consistem em medidas que melhorem, preservem, protejam e recuperem o meio ambiente, mediante a concessão de benefício tributário ao contribuinte.


Coronel Pereira ganha cidadania
de São Luís por atuação na PM
A dedicação exemplar do coronel da Polícia Militar José Frederico Gomes Pereira na proteção e segurança dos moradores da capital o fez ganhar da Câmara Municipal de São Luís, nesta terça-feira (29), o título de Cidadão de São Luís, em sessão solene. Ele nasceu em Juazeiro da Bahia, fez carreira no Exército em Recife, depois foi deslocado para o Pará e desde 1991 ingressou na Polícia Militar do Maranhão. A iniciativa da honraria foi do vereador Paulo Victor (Pros) e contou com a aprovação de todos os vereadores presentes à sessão que apreciou a matéria.
O evento foi presidido pelo vereador Ricardo Diniz (PRTB), secretariado por Paulo Victor, com o auxílio do colega Raimundo Penha (PDT). Também estavam presentes os vereadores Cezar Bombeiro (PSD) e Marcelo Poeta (PCdoB), além de vários coronéis, majores, capitães, sargentos e a Banda da Polícia Militar, cuja corporação teve seu comandante geral, coronel Jorge Luongo, representado pelo coronel Barcelos.
Ao justificar a concessão do título, Paulo Victor frisou que o coronel Pereira, no exercício dos seus comandos na Polícia Militar demonstrou grande senso do dever e noção clara da missão a cumprir, contribuindo esplendorosamente com a sociedade. O homenageado chegou a comandar a PM, oportunidade em que, segundo destacou o vereador, possibilitou a redução do índice de homicídios e de assaltos a banco no Estado, além de promover a maior apreensão de drogas do país. “É por tudo isso que estamos aqui hoje para entregar esta benemérita homenagem a este baiano que já é maranhense e a partir de hoje é também ludovicense”, arrematou.
CONCORDÂNCIAS
Os vereadores Cezar Bombeiro, Marcelo Poeta e Ricardo Diniz elogiaram a iniciativa de Paulo Victor, reafirmaram que o coronel é digno da honraria, inclusive deram exemplos da excelente condução que ele teve à frente de seus comandados, e concluíram declarar ao militar admiração pelo trabalho desenvolvido pela segurança da sociedade em geral. O coronel Barcelos, por sua vez, reconheceu com de grande relevância a honraria da Câmara ao colega que dedicou quase três décadas de trabalho a São Luís. Pereira também foi felicitado pela coronel Augusta Andrade e pelo grão-mestre da Maçonaria Ubiratan João de Castro.
Após tais declarações, o militar reformado subiu à tribuna, agradeceu a Câmara e aos vereadores pelo reconhecimento, exaltou a Polícia Militar, lembrou que seus membros às vezes pagam com a vida o trabalho que realizam em favor da segurança da sociedade e nem sempre desta obtêm reconhecimento.
O coronel disse que na Polícia Militar tentou dar o seu melhor à frente da tropa ou de batalhões que comandou e que ainda teve a chance de articular a Maçonaria para promover a defesa de militares que responderam a processos e acusações por mortes que resultaram dos enfrentamentos aos que levantaram armas contra a força.
Ao final, o coronel Pereira contou que São Luís o chamou a atenção quando aqui chegou por suas grandes variações de marés, pelos sobradões e casarões azulejados, pela população acolhedora, pelo encontro de bumba-bois no João Paulo, no dia de São Marçal, e pela variedade de sons e ritmos.
“Fiquei duplamente feliz pelo título de cidadania e pelo modo como fui escolhido, já que esta é a terceira vez que vejo o vereador Paulo Victor. Ele certamente, para propor esta homenagem, procurou investigar minha vida e encontrou motivos para a concessão. Este título eu guardarei no melhor lugar de minha casa”, concluiu.

Projeto “Zumba Bem Estar” idealizado pelo vereador
Edson Gaguinho reúne milhares de pessoas na Vila Riod

Sucesso de público. O projeto “Zumba Bem Estar” idealizado pelo vereador Edson Gaguinho (PHS) tem agradado milhares de pessoas na Vila Riod, região da Cidade Operária em São Luís. Desde que implantou as aulas gratuitas de zumba no Instituto Bem Estar (IBE) no mês de abril deste ano, o projeto tem ganhado muitos adeptos. São mais de mil pessoas que participam diariamente das aulas.

O parlamentar explicou que o projeto cresceu muito e que as pessoas estão a cada dia mais empolgadas. “O nosso projeto de zumba cresceu muito e se tornou sensação entre jovens e adultos. A zumba tem feito um sucesso enorme em várias cidades Brasileiras e por causa dos inúmeros pedidos trouxemos para a Vila Riod. Aqui no Instituto Bem Estar temos uma grande estrutura e podemos garantir que inúmeras pessoas sejam beneficiadas com o projeto, sem pagar nada. Eu fico muito feliz em poder contribuir com as pessoas da nossa”, explicou o vereador.

As aulas do projeto “Zumba Bem Estar” estão sendo realizadas nas segundas, quartas e sextas em dois horários: de 17h às 18h e de 20h às 21h. O Instituto Bem Estar fica localizado na Avenida Nossa Senhora da Conceição, nº03, bairro Vila Riod, na região da Cidade Operária.


Prefeito Edvaldo Júnior e Raimundo Penha vistoriam
a obra de construção de Ponte da Visa Isabel
O prefeito Edivaldo Holanda Junior e o vereador Raimundo Penha, ambos do PDT, vistoriaram as obras de construção da Ponte da Rua do Comércio, no bairro da Vila Isabel, na região Itaqui-Bacanga.

Também participaram da visita o deputado estadual Edivaldo Holanda (PTC); o secretário municipal de Urbanismo e Habitação, Madson Leonardo Andrade, e o secretário municipal de Obras, Antônio Araújo.
O serviço, executado pela prefeitura, é resultado de um requerimento apresentado pelo parlamentar na Câmara Municipal de São Luís e que atendeu reivindicação dos moradores, que há mais de 40 anos aguardavam por este benefício.
Penha também propôs que o equipamento público, quando for entregue, receba o nome de Ponte Edmilson Jansen, uma homenagem ao vereador de mesmo nome que faleceu ano passado.
"A nossa gestão segue com a preocupação de sempre proporcionar melhorias na qualidade de vida dos moradores da cidade de São Luís. Com obras como essa, estamos transformando realidades. É o poder público municipal intervindo positivamente no cotidiano das pessoas, favorecendo a mobilidade e facilitando o acesso da população aos serviços públicos, cada vez mais aprimorados por nossa gestão", enfatizou Edivaldo. 
Raimundo Penha destacou o comprometimento do prefeito em ter atendido o seu pleito e de toda população da área Itaqui-Bacanga.
De acordo com ele, a obra contribuirá significativamente para melhorar a qualidade de vida dos moradores.
A obra encontra-se em fase de conclusão, com a concretagem dos guarda-corpos e das cabeceiras dos dois lados, além da finalização da passarela para pedestres.
Após etapa de concretagem, será construída a rampa que nivela a ponte com a via e permitirá também a passagem de veículos de todos os portes.

Fábio Braga destaca atuação dos comandantes da Polícia Militar de Coroatá e da Região dos Cocais


Nesta segunda-feira (28), o Deputado Fábio Fraga utilizou a tribuna da Assembleia Legislativa para fazer algumas considerações sobre a Polícia Militar da cidade de Coroatá, que tem ganhado cada vez mais a credibilidade da população por desenvolver ações que visam o combate à violência e à criminalidade.

“Faço aqui um elogio ao Comandante do 24º Batalhão da Polícia Militar, que é sediado na cidade de Coroatá e tem como outra cidade a cidade de Peritoró, onde eu tenho ido várias vezes. Aproveito para relembrar que recentemente foi inaugurada a delegacia municipal de Peritoró, onde o tenente-coronel Ribeiro, que é o comandante desse batalhão, não mede esforços para que a população durma com tranquilidade, com o apoio do Prefeito Padre Josias. Já na região dos Cocais, visto elogios ao Coronel Alexandre Brito, representante da região e figura presente na cidade de Coroatá”, conta o deputado.

Segundo Fábio Braga, a atuação da Polícia Militar nessa região que envolve as cidades de Vargem Grande, Coroatá, Peritoró e Chapadinha, tem se tornado efetiva no combate à criminalidade, principalmente contra roubos de veículos na zona rural. 

“O tenente-coronel Ribeiro tem desenvolvido ações importantes, como a manutenção do esquadrão Águia, aprovada pela população de Coroatá. Conversei com a população da cidade de Coroatá, e o esquadrão Águia realmente caiu no gosto popular”, afirma Fábio Braga.

Investimentos bem aplicados

Nos últimos anos, foram feitos vários investimentos, procurados e incrementados por esses comandantes, que melhoraram o atendimento da população, principalmente as comunidades que carecem dos serviços públicos, como delegacias e órgãos policiais para o atendimento e registro das suas ocorrências. 

“As repressões estão cada vez maiores contra práticas delituosas que eram corriqueiras, como roubo de moto, roubo de celulares e arrombamento de comércios locais, fazendo com que essa redução seja sentida pela população de Coroatá, de Peritoró, e esse atendimento seja cada vez mais procurado pela população. Meu elogio é feito no sentido de que essas práticas sejam cada vez mais aperfeiçoadas e torne a polícia cada vez mais amiga o cidadão de bem”, finaliza o deputado.

terça-feira, 29 de maio de 2018

A HISTÓRIA QUE OS INOCENTES DESCONHECEM...


Nos últimos dias, várias pessoas desinformadas passaram a fazer publicações falando uma série de bobagens sobre a História do Brasil e pedindo a VOLTA DO MILITARES ao poder. Essas pessoas argumentam que no período da Ditadura não havia CORRUPTOS e não havia CORRUPÇÃO. Essas pessoas devem imaginar que políticos como Sarney e Maluf são jovens de 15 anos de idade, nascidos em 2003, quando Lula assumiu a primeira vez o governo. As pessoas que pregam a INTERVENÇÃO MILITAR acreditam que a corrupção no Brasil começou em 2003...
Então, vamos relembrar alguns fatos que os inocentes não sabem:
01 – O Facebook surgiu em 2004 e o Watsapp surgiu em 2009. Antes desse período, a História do Brasil já existia nos livros, embora as pessoas que pedem INTERVENÇÃO MILITAR não saibam disso, porque as pessoas que pedem intervenção militar preferem imagens e odeiam ler textos com mais de TRÊS LINHAS. Por esta razão, ficam sem saber de nada e compartilham tudo que encontram, sem saber o fundamento.
02 – As pessoas que pedem a INTERVENÇÃO MILITAR não sabem que José Sarney entrou no mandato a primeira vez em 1954 e saiu em 2014, tendo ficado durante 60 anos exercendo mandato. Essas pessoas também não sabem que Maluf começou a vida política como presidente da Associação Comercial de São Paulo, em 1964 e que até hoje está no mandato. Maluf foi um dos maiores apoiadores do Golpe Militar de 1964 e aliado de todos os generais. Sarney e Maluf são apenas dois dos grandes amigos e aliados políticos dos generais da Ditadura. A presença deles era normal nos jantares do Palácio do Planalto. Assim como de várias gerações de outras famílias de políticos que amealhaeram fortuna e poder político: Fernando Collor e seus ancestrais, Edison Lobão e seus descendentes, Jader Barbalho e família e correligionários, idem Renan Calheiros, famílias Alves e Maia do RN, Clã Magalhães da Bahia, e outras oligarquias que invariavelmente detêm ainda hoje poder político, fortuna e meios de comunicação.
03 – As pessoas que pedem a INTERVENÇÃO MILITAR não sabem que jornais, rádios, TV’s e outros veículos de comunicação eram proibidos de criticar o governo durante o período dos generais e tinham autorização somente para fazer elogios. Por causa disso, os desmandos e a corrupção do período estão apenas nos livros de história. Como as pessoas que querem a intervenção odeiam os livros, MAIS DO QUE ODEIAM O PT, logicamente que elas não sabem da história dos governos dos generais e fazem questão de não saber.
05 - As pessoas que pedem a intervenção militar acreditam que a Odebrecht foi fundada por Lula e Dilma. Elas não sabem que a empresa foi fundada em 1944 e ganhou porte de gigante durante a Ditadura Militar. A Odebrecht foi denunciada em uma CPI em 1978 e 1979, que investigava corrupção e propina nas obras do COMPLEXO DE ANGRA. Esta obra começou no governo MÉDICI (um dos mais rigorosos generais da Ditadura) e foi até o governo Figueiredo.
06 - As pessoas que pedem a INTERVENÇÃO MILITAR não sabem a USINA DE ITAUPU foi construída pelos militares. A maior produtora de energia elétrica do mundo provavelmente também foi a obra em que mais se desviou verba pública durante o regime militar. Em 1979, o embaixador José Jobim foi encontrado morto com uma corda no pescoço. Sua filha afirma que uma semana antes ele estava na posse de João Figueiredo e havia anunciado que escreveria um livro sobre a corrupção na construção da usina. Jobim participou do empreendimento indo ao Paraguai para negociar as turbinas com a empresa Siemens. Sinais de sangue nas roupas e os pés encostados no chão, mas o investigador concluiu que teria sido "suicídio" sem sequer abrir o inquérito. Nem vamos citar aqui os escândalos do obra da PONTE RIO-NITERÓI.
07 – As pessoas que pedem a INTERVENÇÃO MILITAR não sabem quem foi Delfim Neto e não sabem que ele foi ministro da Fazenda durante o governo Costa e Silva, Médici, embaixador na França durante o governo Geisel e ministro da Agricultura no governo Figueiredo. Sobre ele pesam as suspeitas, também abafadas pela censura e pelo encobrimento de tudo o que ocorreu durante os governos militares, de ter facilitado a Camargo Correa na construção de outras duas hidrelétricas, de Água Vermelha (MG) e de Tucuruí. As denúncias foram publicadas no livro "Ditadura Acabada" de Élio Gaspari.
08 – As pessoas que pedem a INTERVENÇÃO MILITAR não sabem que um dos nomes mais conhecidos dos governos militares, atuando na captura, na tortura e no assassinato de presos políticos, o delegado paulista Sérgio Fernandes Paranhos Fleury foi acusado pelo Ministério Público de associação ao tráfico de drogas e extermínios. Apontado como líder do Esquadrão da Morte, um grupo paramilitar que cometia execuções, fornecendo serviço de proteção ao traficante José Iglesias, o "Juca", na guerra de quadrilhas paulistanas. No fim de 1968, ele teria metralhado o traficante rival Domiciano Antunes Filho, o "Luciano", com outro comparsa, e capturado, na companhia de outros policiais associados ao crime, uma caderneta que detalhava as propinas pagas a detetives, comissários e delegados pelos traficantes.
09 – As pessoas que pedem a INTERVENÇÃO MILITAR não conhecem a história da rodovia TRANSAMAZÔNICA. Conhecida por ser a estrada que liga o nada ao lugar nenhum, a Transamazônica foi uma obra faraônica bilionária e inconclusa por parte dos militares, durante o governo Médici (1969 - 1974). O projeto previa a ligação do Cabedelo, na Paraíba, à cidade de fronteira Benjamin Constant, no Amazonas. A ideia era seguir até o pacífico pelo Peru e o Equador, uma roubalheira realmente sem limites, combinado ao desmatamento da mata, expulsão de povos indígenas e seringueiros. No fim, a Transamazônica terminou 687 km antes, em Lábrea, e, claro, sem asfalto. Nem por isso, deixou de custar a bagatela de US$ 1,5 bilhões de dólares na época.
10 – Claro que os fatos aqui registrados vão continuar sendo ilustres desconhecidos das pessoas que pedem a INTERVENÇÃO MILITAR, porque as pessoas que querem a volta dos militares odeiam textos com mais de TRÊS LINHAS. É uma pena!!!

ICMS: E os Falsos Profetas!!!!!!

O sistema tributário brasileiro é complexo, oneroso e coercivo. Ao contrário do que se pensa, a maior parte dos recursos arrecadados pertencem à União, cabendo aos Estados um ínfimo insuficiente repasse deste montante. Com isso, os Estados a fim de promoverem o bem-estar social, a proteção aos desvantajados e a melhoria na distribuição de renda, são obrigados a buscarem meios para arcar com tal responsabilidade, daí a importância do ICMS. ao contrário da União, o Estado não pode emitir moeda e nem endividar-se ad eternum.
"Não devemos ouvir os oportunistas que se dizem defensores do povo ao proclamarem que os tributos estão a esmagar os trabalhadores, pois antes dos tributos estão os lucros!! por isso, não são os impostos os responsáveis por esta carnificina e sim a ganância desmedida pelo amor sagrado ao dinheiro!! Pode-se provar facilmente que ainda que seja zerado o ICMS ainda assim o preço do combustível será imoral para o trabalhador, pois enquanto o tributo cai, o lucro aumenta na mesma medida. Ademais, a equiparação tributaria levada a cabo pelo governador Flavio Dino , não teve outra consequência se não ampliar a proteção social e econômica àqueles que realmente necessitam dela, com isso Flávio Dino não aumentou tributos, Dino promoveu (re) distribuicão de renda!!

Depois de descobrir a maior reserva de petróleo do mundo, Brasil tem cambista de gasolina

Oportunistas que tentam lucrar com o desabastecimento de combustíveis no país por conta da greve dos caminhoneiros e aumentar o preço da gasolina.
No Mercado Livre, um anúncio de um vendedor de Mateus Leme, na região metropolitana de Belo Horizonte, divulga a venda de um galão com 20 litros de gasolina comum por R$ 150 - cada litro custa R$ 7,50, constatou a reportagem do Jornal O Tempo.
Na descrição do produto, ele informa um telefone para contato, mas as ligações não foram atendidas, informou o veículo. O anunciante também não respondeu às mensagens enviadas por meio do próprio site.
Outro anúncio no Mercado Livre, de um vendedor da capital mineira, também divulga um galão cheio com gasolina a R$ 150, mas foi uma brincadeira. O anunciante disse não ter combustível para vender e que a ideia dele é “fazer um protesto silencioso”.
No site OLX, um anunciante do bairro Santa Inês, na região Nordeste de BH, divulga um galão carregado com cinco litros de gasolina, mas sem informar o preço. Ele não atendeu às ligações no número informado na página e também não respondeu as mensagens.
Em mais um anúncio, desta vez em São Paulo, publicado no site Mercado Livre, um morador vende três galões com 10 litros cada de gasolina comum, mas não informa o preço e diz que entrega o combustível somente nas imediações da linha vermelha do metrô na capital paulista.
Conforme as leis federais 8.176/91 e 9.605/98 e também a portaria 116 da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), comercializar, estocar e até transportar combustíveis sem autorização são práticas que configuram crimes ambientais e também contra a ordem econômica.