terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Vereadores irão votar orçamento de São Luís nesta quarta-feira


A Lei Orçamentária de São Luís para o exercício financeiro de 2015 será votada, nesta quarta-feira (17), pelo plenário da Câmara dos Vereadores, com previsão da ordem de R$ 2,7 bilhões. 
A decisão foi tomada na manhã desta terça-feira, (16), durante a reunião da Comissão de Orçamento e Finanças, composta pelo presidente Ivaldo Rodrigues (PDT), José Joaquim (PSDB), relator; e Pedro Lucas (PTB), contando ainda com a participação de mais vinte e dois parlamentares.
Durante toda a tramitação da Lei Orçamentária, seis vereadores apresentaram 85 emendas, correspondendo a um valor de R$ 169 milhões. Já para as chamadas emendas impositivas, onde cada vereador tem a prerrogativa de apresentar uma emenda, ficou estabelecido que para o exercício de 2015, na Secretaria de Governo, ficará disponível o montante de R$ 32 milhões.
Ivaldo Rodrigues disse que a última reunião da Comissão serviu para os esclarecimentos, objetivando dirimir dúvidas de alguns vereadores. “Além disso, posso ressaltar que durante todo esse período fizemos um trabalho bem planejado, cumprimos tudo que determina a lei e elaboramos um trabalho em comum acordo com o atual presidente da Câmara, Isaias Pereirinha (PSL) e o próximo presidente da Casa, Astro de Ogum (PMN), além do Executivo e a sociedade”.
Já o relator da matéria, José Joaquim, também destacou o trabalho de tramitação da LOA, assinalando como ponto alto a realização da audiência pública no dia 24 de novembro, que contou com a participação dos vereadores, do Poder Executivo, representado por secretários, e a sociedade. 
 
“Trabalhamos incansavelmente nesta peça orçamentária para elaborar um relatório preliminar encaminhado para a Mesa Diretora e para posterior apreciação pelo plenário”, enfatizou ele.

Companhia Teoria das Artes apresentará Auto de Natal no mês de dezembro‏

De 21 a 23 de dezembro o Núcleo de Produção Teatral Teoria das Artes estará apresentando em vários bairros da área Itaqui-Bacanga, o espetáculo “Auto Natalino”.  O espetáculo narra   a historia do nascimento de Jesus  e suas complexidades. Um menino que nasceu  para marcar a historia, que desperta a ira e a inveja de muitos, com um enredo articuloso  e uma direção visionaria o “Auto Natalino”  trará detalhes da historia mais conhecida de todos os séculos.
Este é o terceiro ano que o espetáculo será encenado pela Companhia Teoria das Artes, formados por jovens da comunidade da área Itaqui-bacanga cujo trabalho visa contribuir para a formação cultural e cidadã dos habitantes da área.
 
O espetáculo atende ao projeto cultural da Companhia Teoria das Artes que ao longo de 10 anos tem colocado a disposição da comunidade da Área Itaqui-Bacanga suas propostas cênicas. O texto é uma criação coletiva de membros da companhia.
O grupo tem o apoio da ACIB (Associação Comunitária Itaqui-Bacanga) e patrocínio da Vale.
O grupo está ensaiando segunda á sexta-feira das 19h às 22h no Clube de Mães, rua Mônaco ao lado do teatro Itapicuraiba, Anjo da Guarda para apresentação do espetáculo durante todo o mês de dezembro.
A primeira apresentação será domingo, 21, às 19h, na praça Vila Maranhão. 
 
Cronograma de apresentação: 
1 apresentação
21/12/14 (domingo)

Bairro: Vila Maranhão
Local: Igreja São Joaquim
Horário: 19:h30
2 apresentação
 
22/12/14 (segunda-feira)
Bairro: Gapara- Cidade Nova
Local: Praça Argola e Tambor- onde acontece a festa da Macaxeira
Horário: 19:h30
3 apresentação
23/12/14 (terça-feira)
Bairro: Anjo da Guarda
Local: Praça Ressurreição
Horário:  19:h30 


segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Profissionais da Educação municipal usufruem de parceria com a UEMA para obtenção de formação superior


Geraldo Castro Sobrinho, secretário de Educação de São Luís, em encontro com José Augusto Oliveira, reitor da UEMA

A Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), em parceria com a Prefeitura de São Luís, realizou neste sábado (13) a aula inaugural do curso de Licenciatura em Pedagogia para 250 profissionais da Educação da rede municipal de ensino e de escolas comunitárias localizadas na capital maranhense. O evento ocorreu no auditório da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema).

O secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, ressaltou que a parceria para formação dos profissionais da Educação também beneficia os estudantes, que terão em sala de aula professores ainda mais capacitados e motivados.

“A valorização do servidor público municipal é uma das principais diretrizes da nossa gestão. Neste contexto, proporcionar a formação de educadores que atuam tanto na rede municipal de ensino quanto em escolas comunitárias, demonstra a nossa atenção à capacitação de servidores, um dos pilares da valorização profissional”, assinalou Castro.

O secretário lembrou que o termo de cooperação técnica assinado este ano com o reitor da UEMA, José Augusto Oliveira, prevê a oferta de 125 vagas de graduação em Licenciatura em Pedagogia para os professores da rede municipal e mais 125 vagas para educadores de escolas comunitárias. As vagas foram destinadas prioritariamente aos professores que ainda não possuíam graduação.

O curso de Licenciatura em Pedagogia será ministrado na modalidade Educação à Distância e tem execução prevista para quatro anos, com carga horária de 3.330 horas. A estrutura do curso segmenta-se em três núcleos de estudo: básico, de aprofundamento e integrador. Cada um desses eixos ocorre em momentos distintos, contemplando seminários presenciais para os quais estão previstos palestras, estudos de caso, orientação acadêmica e avaliações interdisciplinares.

Além do acesso ao ensino superior, o termo de cooperação técnica também disponibilizou 85 vagas em cursos de pós-graduação da UEMA aos profissionais da Educação, sendo 15 para Gestão Pública, 15 para Gestão Pública Municipal, 15 para Psicologia da Educação, 10 vagas para Educação do Campo, 15 para Gestão em Saúde e 15 para Ensino da Genética. Os cursos de pós-graduação tiveram início no último dia 29 e também são ministrados através da modalidade Educação à Distância.

UFMA homenageia magistrados com a comenda Palmas Universitárias

A Universidade Federal do Maranhão concedeu a comenda Palmas Universitárias ao juiz de Direito Marlon Reis, um dos autores da Lei da Ficha Limpa, e ao desembargador James Magno Farias, vice-presidente e corregedor do Tribunal Regional do Trabalho - TRT e professor da UFMA. A honraria foi entregue pelo Reitor Natalino Salgado, na última sexta.
Ao agradecer a homenagem, o juiz Marlon Reis disse que UFMA representa muito para ele. “A Universidade abriu portas para que eu pudesse me tornar magistrado, para que eu pudesse dar a minha modesta contribuição, que eu espero estar dando, à sociedade. E voltar à Universidade Federal do Maranhão sempre me emociona”, acrescentou o juiz, que se graduou em Direito pela UFMA.
O desembargador James Magno Farias também se disse honrado e feliz com a distinção. “Primeiro, por ser maranhense que, para mim, é fundamental este reconhecimento. Segundo, por ser egresso desta Universidade. Eu entrei na UFMA em 1986 e foi a turma na qual eu estudava que me moldou como pessoa, como humanista, que fez eu me apaixonar pela Universidade. Tanto que me formei em 1991 e, no ano seguinte, já retornava como professor”, contou.
A outorga das Palmas Universitárias aos magistrados, segundo o reitor Natalino Salgado, é também uma deferência àqueles que ajudam a construir, com um bom desempenho em suas áreas de atuação, o aperfeiçoamento do processo de democratização e das políticas públicas do Brasil. “A universidade se engrandece quando, além dos conhecimentos científicos produzidos, pode prestar o reconhecimento público a personalidades que contribuem para a garantia dos direitos dos cidadãos”, enalteceu.
Maior distinção honorífica da UFMA, a comenda "Palmas Universitárias" existe há 28 anos e é concedida a personalidades que se destacaram em suas atividades, merecedoras de reconhecimento público por toda comunidade acadêmica. Os homenageados recebem uma placa e um diploma.

Geraldo Castro é empossado presidente da Undime

             
Geraldo Castro presidente entidade nacional que congrega gestores municipais de educação
Geraldo Castro presidente entidade nacional que congrega gestores municipais de educação
A reunião ordinária do mês de dezembro da União Nacional dos Dirigentes Municipais em Educação do Maranhão (Undime-MA) reforçou a importância da integração entre os secretários de educação dos diversos municípios e das parcerias para o desenvolvimento da educação no Maranhão. A atividade, realizada no salão de eventos do hotel Skina Express, em São Luís, reuniu os gestores das pastas de educação de municípios de todas as regiões do estado.
A reunião iniciou com a posse do novo presidente da seccional maranhense da Undime, o secretário municipal de Educação de São Luís, Geraldo Castro Sobrinho. Ele garantiu que a instituição estará de portas abertas a todos os gestores da Educação.
“Temos pela frente um grande desafio. A Educação é sempre uma das pastas cujos resultados são mais cobrados. É por isso que a principal bandeira que levantamos hoje é a de que a Undime é plural e está aberta a todos os gestores e instituições que venham para contribuir para a melhoria dos indicadores sociais dos nossos estudantes”, disse o presidente da Undime.
Escola de tempo integral bilíngue
Secretário apresentou projeto da Escola Municipal Integral Bilíngue
Secretário apresentou projeto da Escola Municipal Integral Bilíngue
O Secretário Municipal de Educação (Semed), Geraldo Castro Sobrinho apresentou na manhã da última quinta-feira 11/12, o projeto da Escola Municipal Integral Bilíngue Libras/Português Escrito. O documento, elaborado em conjunto com a Associação de Surdos do Maranhão (Asma), estabelece os princípios pedagógicos, a metodologia e o funcionamento da unidade de ensino e foi apresentado em reunião de trabalho realizada na Escola de Governo do Maranhão.
O titular da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Geraldo Castro Sobrinho, presidiu a reunião e lembrou que a garantia de uma educação de qualidade é um compromisso do prefeito Edivaldo. “É uma grande conquista dos surdos, mas também um grande momento para toda a cidade. Nós estamos dando um passo importante para garantir o aprendizado e a inclusão do surdo no mercado de trabalho. Trabalharemos junto com o prefeito Edivaldo para implantação desta escola já em 2015”, afirmou.